VOCÊ SABE QUE TIPO DE “RASTRO” SUA EXISTÊNCIA ESTÁ DEIXANDO NO PLANETA?

Inventário de Carbono é a ferramenta que mostra as marcas que todos deixamos no planeta Terra, inclusive as empresas.

Há milhões de anos, quando o primeiro primata pisou ereto sobre a terra não fazia ideia de que um dia, milênios mais tarde, as pegadas de todos os seus descendentes poderiam prejudicar o ar e o próprio clima do planeta.

Estamos falando de Pegadas Ecológicas ou Pegadas de Carbono, nomenclatura usada para ilustrar os rastros que todo homem deixa em sua caminhada ao longo da vida aqui na Terra. Mais do que as marcas no chão deixadas por pegadas comuns, as pegadas ecológicas representam os efeitos que os nossos hábitos de vida podem causar no clima do planeta. Isso mesmo, todos nós exercemos influência no clima da Terra!

Sempre que ouvimos notícias sobre aquecimento global, mudanças climáticas, catástrofes naturais ou alterações no padrão das estações do ano, costumamos também ouvir falar sobre as relações destes fatos com as ações do homem moderno. Mas, muitos ainda se perguntam até que ponto o homem pode realmente alterar o ciclo natural do planeta.

Cientistas de todo o mundo já comprovaram as ligações entre o aquecimento global e as emissões excessivas de gases poluentes na atmosfera. A concentração de Dióxido de Carbono (CO2), por exemplo, é um dos fatores contribuintes para o Efeito Estufa, que ocorre quando os raios solares refletidos na superfície terrestre não conseguem atravessar de volta a atmosfera, devido a uma cortina de poluição formada por gases como o CO2. Os raios solares voltam então à Terra, aquecendo-a ainda mais. Na verdade, este é um fenômeno natural, que mantém nosso planeta aquecido e habitável, mas ultimamente o que tem se observado é que o Efeito Estufa vem elevando as temperaturas muito acima do padrão esperado.

Essa super concentração de Gases de Efeito Estufa (GEE) tem entre suas principais causas os incêndios e desmatamentos florestais, além da queima de combustíveis fósseis. Um preço demasiado caro que estamos pagando pelo progresso “a todo custo”.

Só que não precisa ser assim. Equilibrar essa conta ainda é possível através de diversas ações. A primeira delas é descobrir exatamente qual é a nossa Pegada de Carbono, ou seja, o quanto, através de nossas ações do dia a dia, principalmente pessoas jurídicas, emitem de CO2 quando queimam combustível em seus carros e equipamentos de produção, consomem luz, água, papel e ar refrigerado . Como não podemos enxergar essa pegada a olho nu, temos uma ferramenta poderosa que faz este serviço: o Inventário de Emissões ou Inventário de Carbono.

O Inventário de Carbono é uma ferramenta de contabilidade ambiental usada em todo o mundo, que, ao ser alimentada com dados específicos, consegue medir e demonstrar os impactos ambientais negativos gerados por qualquer atividade ou processo.

Qualquer empresa pode fazer,  não importa o seu tamanho, é possível contabilizar nas ações cotidianas quantos quilos ou toneladas de gases se emitiu para a atmosfera.

Empresas de todos os setores já se movem rumo à “economia verde” ou “economia de baixo carbono” e estão implantando esse tipo de contabilidade. E, mais importante, o fazem com consciência e buscando a sustentabilidade dos negócios e do planeta, e não mais apenas como uma ação de marketing, como aconteceu há alguns anos.

Leia o artigo completa e saiba como fazer um inventário de carbono no blog da Scrito: http://www.scrito.com.br/blog/

scrito
www.scrito.com.br
Artigos sobre comunicação, marketing e sustentabilidade com dicas para ajudar a impulsionar o seu negócio.
Categorias
BOONGOO NEWS

CEO, Founder and Storytelling | BOONGOO.com.br | LBF
Sem comentários

Deixe uma resposta

*

*

RELACIONADO POR